Novas evidências mostram que os probióticos podem combater a depressão

probioticos-01Um estudo publicado mês passado na revista Brain, Behavior, and Immunity descobriu que os probióticos não são apenas bons para a digestão, mas também podem impulsionar a saúde mental.

O estudo acompanhou 40 pacientes ao longo de quatro semanas, e rastreou o humor e a probabilidade dos pacientes se sentirem deprimidos. Vinte tomaram um suplemento probiótico contendo várias cepas comuns, tais como Lactobacillus e Bifidobacterium, e 20 tomaram um placebo.

Após quatro semanas, os pacientes que tomaram probióticos eram menos propensos a reagir negativamente quando colocados em situações tristes. Os investigadores consideram esta “reação cognitiva” uma forte indicação de quão vulnerável uma pessoa é para o desenvolvimento da depressão.

Embora o estudo não mergulhe exatamente como os probióticos podem melhorar o humor, pesquisadores levantaram a hipótese de que as microbactérias nos intestinos emitem produtos químicos que colaboram para a sensação de bem estar. Outra alternativa é que os probióticos reduzem a inflamação e tornam o intestino impermeável, eliminando algumas toxinas do corpo.

“Mesmo que preliminar, estes resultados fornecem a primeira evidência de que a ingestão de probióticos pode ajudar a reduzir os pensamentos negativos associados com a tristeza”, informa Lorenza S. Colzato, uma das pesquisadoras do estudo em um comunicado divulgado na revista Time.

alimentos-probioticos

Alimentos ricos em probióticos

Os alimentos probióticos são aqueles que apresentam bactérias vantajosas ao organismo. Confira alguns deles logo abaixo.

– Chocolate amargo
– Alimentos fermentados de forma caseira como as coalhadas e o kefir
– Alho
– Picles
– Algumas marcas de iogurte (verifique a embalagem)
Sopa de Miso
– Há também muitos suplementos probióticos vendidos em cápsulas. Certifique-se de comprar uma marca respeitável.

Comente com sua conta do Facebook

Deixe uma resposta