O ingrediente favorito do câncer

frutose_destDoce, barato e natural – a frutose parece ser o adoçante ideal para o consumo. No entanto, este tipo de açúcar, que é encontrado naturalmente em frutas e adicionado a muitos alimentos processados, pode esconder uma série de segredos mortais.

Um estudo publicado recentemente na revista Cancer Research mostra que a frutose é um vilão nutricional ainda mais perigoso do que se suspeitava anteriormente. Mais do que qualquer outro tipo de açúcar, a frutose pode provocar a divisão e proliferação de células cancerígenas.

Pesquisadores da Universidade da Califórnia, EUA, extraíram células tumorais do pâncreas de alguns pacientes com câncer e acrescentaram glicose em algumas células e frutose em outras.

As células cancerígenas utilizaram tanto a glicose quanto a frutose como combustível, a única diferença foi que a frutose também ativou a divisão das células, causando a proliferação das mesmas.

Já está estabelecido que o excesso de glicose não é bom, mas o que alguns estudos estão demonstrando nos últimos anos – como a pesquisa norte-americana – é que o excesso de frutose é ainda pior.

Alimentos que contém frutose

Hoje em dia, a frutose não aparece apenas no suco de frutas, onde ocorre naturalmente, mas em todos os tipos de alimentos e bebidas – de biscoitos a sorvetes.

Ela pode ser listada nos ingredientes sob uma variedade de nomes, entre eles, o mais comum é o xarope de milho rico em frutose, uma forma processada de frutose derivada basicamente a partir do milho.

A melhor maneira de limitar a ingestão de frutose é reduzir ou eliminar significativamente os alimentos processados ​​e bebidas açucaradas de sua dieta, como refrigerantes e energéticos.

Mas você pode limitar ainda mais a sua ingestão total de frutose, escolhendo certas frutas que possuem baixas concentrações deste componente.

Xarope de milho rico em frutose: presente em milhares de alimentos.
Xarope de milho rico em frutose: presente em milhares de alimentos.

A frutose em frutas

As frutas são boas fontes de nutrientes e de fibras, mas algumas contêm uma carga significativa de frutose. (100 gramas de cada alimento)

Figos – 22,9 gramas de frutose
Ameixa – 12,5g
Uvas – 8,13g
Pêras – 6,23g
Cerejas – 6g
Maçãs – 5,9g
Bananas – 4,85g
Kiwi – 4,35g

Fonte: Fruit and Sugar Content: The Paleo Diet – Por Dr. Loren Cordain, Ph.D.

Por isto, como em muitas outras coisas na nossa vida, a palavra chave é moderação. Até mesmo para os alimentos saudáveis, como as frutas.

E esta “regra” deve ser seguida por todos que estão seriamente preocupados com a sua saúde.

 

Comente com sua conta do Facebook

2 COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here