Comer queijo pode prevenir cáries

queijoConsumir produtos lácteos é vital para manter uma boa saúde, e isso é especialmente importante para a saúde óssea.

No entanto, de acordo com um novo estudo publicado na edição de maio/junho 2013 da revista acadêmica General Dentistry, o consumo de queijo e outros produtos lácteos podem nos ajudar de outra forma: proteger os dentes contra as cáries.

O estudo, realizado com 68 jovens de 12 a 15 anos, analisou o pH dos dentes antes e após os voluntários consumirem queijo, leite ou iogurte sem açúcar.

Segundo Vipul Yadav, principal autor do estudo, um nível de pH acima de 5,5 significa uma chance menor de ter cáries e desgastar o esmalte dos dentes.

Os pesquisadores dividiram os voluntários em 3 grupos e instruíram ao primeiro grupo para comer queijo, o segundo a beber leite, e o terceiro a consumir iogurte sem açúcar. Após a ingestão destes alimentos os pesquisadores mediram o nível de pH da boca de cada pessoa.

Nos grupos que consumiram leite e iogurte sem açúcar não houve mudanças nos níveis de pH em suas bocas. Contudo, os participantes que comeram queijo, mostraram um aumento rápido nos níveis de pH, o que sugere que o queijo tem propriedades anticárie.

O estudo indicou que o aumento dos níveis de pH após a ingestão de queijo podem ter ocorrido devido ao aumento da produção de saliva, o qual poderia ser causado pela ação de mascar. Além disso, vários compostos encontrados no queijo podem aderir ao esmalte dos dentes, protegendo ainda mais das cáries.

Crianças que gostam de queijo podem ser os mais beneficiados pela pesquisa.
Crianças que gostam de queijo podem ser os mais beneficiados pela pesquisa.

“Os produto lácteos não são apenas uma alternativa saudável para lanches calóricos ou repletos de açúcar, eles também podem ser considerados como uma medida preventiva contra a cárie.”, concluíram os pesquisadores.

Agora, você já sabe que além da escova de dente e do fio dental o queijo pode ser uma arma para combater as cáries.

Comente com sua conta do Facebook

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here