Alimentos que ajudam a diminuir o mau colesterol e aumentar o bom colesterol

sinalSe você acha que o colesterol só traz problemas para a nossa saúde, acaba de se enganar.

O colesterol é essencial para o organismo, pois desempenha funções vitais em nosso corpo. Ele serve de matéria-prima para a produção de hormônios, do ácido biliar, que regula a digestão, e da vitamina D. Sem ele, as células não formariam a membrana que as envolve, e não teriam como receber alimentos e oxigênio.

O alto nível de colesterol é onde está o problema. Este é o principal fator de risco para o desenvolvimento de doenças cardíacas. Segundo dados da Sociedade Brasileira de cardiologia, 40% dos brasileiros, algo estimado em 77 milhões de pessoas, sofrem com colesterol alto.

Uma dieta com baixo teor de gordura saturada e equilibrada no consumo de frutas e vegetais é a melhor opção para alguém que está preocupado com os níveis de colesterol no sangue. E embora não existam fórmulas mágicas para reduzir de uma hora para outra este problema, alguns alimentos têm se apresentado como fontes naturais para prevenção e redução do mau colesterol e o aumento do bom colesterol.

Tome nota de alguns deles:

Amêndoas – algumas substâncias presentes nas cascas das amêndoas ajudam a prevenir o colesterol LDL (ruim) de ser oxidado, um processo que pode danificar o revestimento dos vasos sanguíneos e aumentar o risco cardiovascular.

Abacates – as gorduras monoinsaturadas dos abacates são indicadas para diminuir o colesterol LDL e elevar o HDL (bom colesterol), especialmente em pessoas com colesterol levemente elevado.

Cevada – uma pesquisa recente realizada nos Estados Unidos, mostrou que os participantes que acrescentaram cevada no hábito alimentar obtiveram o dobro de redução do colesterol LDL.  A cevada é um ótimo substituto para o arroz, pode servir como ingrediente para sopas e combina muito bem com frutas secas, nozes e um pouco de azeite e vinagre para uma salada saudável.

colesterol

Feijões e lentilhas – a partir de um estudo recente apresentado na revista Annals of Internal Medicine, o colesterol LDL caiu quase duas vezes nos voluntários que consumiam feijões e lentilhas em uma dieta de baixo teor de gordura.

Aveia – um estudo realizado pela Universidade de Toronto, no Canadá, mostrou que o farelo de aveia aumentou o colesterol HDL em mais de 11%.

Vinho – beber um copo de vinho, seja no almoço ou jantar, de fato, contribui para aumentar o bom colesterol e diminuir o risco de um ataque cardíaco. Outro estudo interessante, realizado pela Universidade Hebraica, em Israel, mostrou que saborear carne vermelha, junto com um copo de vinho tinto pode realmente prevenir o acúmulo de colesterol LDL no organismo. (No entanto, o consumo excessivo de álcool, pode ser um perigo para a doença cardíaca).

Referências Sociedade Brasileira de Cardiologia
                  Eating Well

Comente com sua conta do Facebook

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here