Como ler o rótulo de um alimento

Segundo dados de 2008 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), cerca de 70% das pessoas consultam a informação nutricional dos rótulos, no momento da compra de alimentos. No entanto, mais da metade não compreende adequadamente o significado das informações.

Geralmente, ficamos confusos com os numerosos dados nutricionais encontrados em embalagens de produtos alimentares. Boa parte da população mundial, inclusive no Brasil, tem dificuldades em ler e interpretar os rótulos das embalagens, o que torna praticamente impossível saber o que é bom ou ruim para a nossa saúde.

Compilamos algumas informações importantes que você deve identificar e entender em um rótulo. Vamos à imagem! 

Padrão de rótulo em uma embalagem de alimento

Porção: É a quantidade média do alimento que deve ser usualmente consumida.

Medida Caseira: Indica a medida que o consumidor utiliza normalmente. Por exemplo: fatias, unidades, pote, xícaras, copos, colheres de sopa.

%VD: Percentual de Valores Diários (%VD) é um número em percentual que indica, quanto o produto em questão, apresenta de energia e nutrientes em relação a uma dieta de 2000 calorias.

Exemplo: Caso você encontre uma embalagem de pão com 10% de VD em carboidratos, significa que você está consumindo 10% do que é recomendado diariamente.

Pode parecer confuso no começo, mas com alguma prática, você será capaz de verificar rapidamente o rótulo dos alimentos e aprender se um determinado produto alimentício atende as suas necessidades nutricionais.

O que é recomendável para minha saúde?

– Se você está preocupado com seu peso, você deve comparar produtos baseados em calorias e gordura.

– Se você tiver uma doença cardíaca ou pressão alta, você deve focar a quantidade de gordura total, gordura saturada, gordura trans, colesterol e sódio. Escolha produtos que contenham menos de 20% Valores Diários de colesterol, gordura e sódio.

 lendo rotulo– Se você tem diabetes, você deve prestar atenção à quantidade de carboidratos, açúcar, assim como de fibras.

E claro, sempre procure um especialista de sua preferência antes de tomar uma atitude mais drástica em relação a sua alimentação.

Existe uma cartilha da Anvisa ensinando a todos os consumidores a ler os rótulos das embalagens. Para acessar a cartilha, clique aqui.  (arquivo pdf)  

Até a próxima!

Comente com sua conta do Facebook

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here